sexta-feira, 29 de julho de 2011

Um misto de tristeza, decepção e fúria...


Sabe àquela sensação de fiz a minha parte, mas mesmo assim me foderam?!
Mas tudo bem, agora serei o personagem do filme "O Diabo veste Prada"



terça-feira, 26 de julho de 2011

segunda-feira, 25 de julho de 2011


“ Respire em mim...fundo,
Para que eu respire... e viva.
E me abrace apertado para eu dormir
Suavemente segura por tudo que você dá.

Venha me beijar, vento, e tire meu fôlego
Até que você e eu sejamos um só,
E dançaremos entre os túmulos
Até que toda morte se vá.

E ninguém saiba que existimos
Nos braços um do outro,
A não ser Aquele que soprou o hálito
Que me esconde livre do mal.“



Willian P Young, do livro "A Cabana"

domingo, 24 de julho de 2011

Nothing Else Matters

Nada mais importa

Tão perto, não importa quão longe
Não poderia ser muito mais vindo do coração,
Sempre confiando em quem nós somos
E nada mais importa

Nunca me abri desse jeito,
As vidas são nossas nós vivemos do nosso jeito,
Todas essas palavras eu não apenas digo
E nada mais importa

Confiança eu procuro e acho em você
Todos os dias para nós algo novo
Mente aberta para uma visão diferente
E nada mais importa

Nunca me importei pelo o que eles fazem
Nunca me importei pelo o que eles sabem
Mas eu sei

Nunca me importei pelo o que eles dizem
Nunca me importei pelos jogos que eles jogam
Eu nunca me importei pelo o que eles fazem
Eu nunca me importei pelo o que eles sabem
E eu sei...!Yeah!!!






Vi esta versão da música do Metallica no facebook hoje, tocou meu coração...

quinta-feira, 21 de julho de 2011

“Viver de amor...”



Flecharia seu coração
Com a flecha mais poderosa do Cupido
E o traria pra mim
Na velocidade que meu pensamento imagina

Mudaria de lugar
Tudo que fosse preciso
Para tê-lo ao meu lado
Agora

Pra ficar igual gata
Roçando em você
O tempo todo
Sentindo sua pele, seu cheiro

Horas e horas
Beijando a sua boca
Que sorri enquanto me tem
E me olha com essa cara linda...

Colaria você em mim
Com nosso próprio suor
Pra que você ficasse aqui
Fazendo amor comigo de novo, e de novo, e de novo...

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Feliz Dia do Amigo


Hoje é dia do amigo, e não poderia deixar de homenagear aqui, todos àqueles que são meus amores, meu porto seguro.
Os mais próximos, os mais distantes, os amigos de sempre... àqueles que sabem que são meus amigos!
Escolhi este texto, espero que gostem!
Bjs e FELIZ DIA DO AMIGO!!!



Loucos e Santos

"Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila.
Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante.
A mim não interessam os bons de espírito nem os maus de hábitos.
Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo.
Deles não quero resposta, quero meu avesso.
Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim.
Para isso, só sendo louco.
Quero os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças.
Escolho meus amigos pela alma lavada e pela cara exposta.
Não quero só o ombro e o colo, quero também sua maior alegria.
Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto.
Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade.
Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos.
Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça.
Não quero amigos adultos nem chatos.
Quero-os metade infância e outra metade velhice!
Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para que nunca tenham pressa.
Tenho amigos para saber quem eu sou.
Pois os vendo loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que "normalidade" é uma ilusão imbecil e estéril."

Oscar Wilde

terça-feira, 19 de julho de 2011

Eu...


Eu triste sou calada
Eu brava sou estúpida
Eu lúcida sou chata
Eu gata sou esperta
Eu cega sou vidente
Eu carente sou insana
Eu malandra sou fresca
Eu seca sou vazia
Eu fria sou distante
Eu quente sou oleosa
Eu prosa sou tantas
Eu santa sou gelada
Eu salgada sou crua
Eu pura sou tentada
Eu sentada sou alta
Eu jovem sou donzela
Eu bela sou fútil
Eu útil sou boa
Eu à toa sou tua.


O texto é da Martha Medeiros, mas eu queria ter escrito...

domingo, 17 de julho de 2011

Solidão a dois


Um silêncio sem fim
Que arde e corta
Aperta, esmigalha...
É o carrasco do amor próprio
É a falta de coragem para reagir
É a espera que nunca chega
O silêncio que é melhor que a briga
A dor que deixa oca a alma
Como fome...
Que corrói
E depois de um tempo amarga a boca
E com o tempo passa
Ou acostuma...
É um não sei o que
Que não se explica
São necessidades diferentes de amor
É o excesso de trabalho
A falta de sensibilidade
O mínimo de observação
É a certeza do amanhã
Que leva ao comodismo...
Ao silêncio... à posse.

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Feliz Dia Internacional do Homem!!!


Hoje é dia Internacional do Homem!
E eu não poderia deixar de fazer a minha homenagem!!!!

Quase Um Segundo



Lembrei que hoje acordei pensando nesta música...
Achei o vídeo bacana e aí vai!!!

"Não dê pérolas à porcos!"


Já dizia minha mãe: "Não dê pérolas à porcos!!!"


Sabe àquela amiga que você gosta por insitência?!Que é boca aberta, já te fodeu várias vezes e você ainda insite em manter o contato, talvez por carma?!
E se ela precisa de ajuda, você faz o quê?! Ajuda!!!

Pois é, não vale a pena!!!
Do mais, FODA-SE!!
E salve o facebook!!!


“Não lançar pérolas aos porcos é não oferecer os tesouros do coração a quem come pisando sobre a própria comida, apenas lama e babugem."

" Uma vez Flamengo, sempre Flamengo!!!"

" Felizes os ingênuos, os burros e os filhos da puta!!!"

Se você é meu amigo, e até agora não sabia de quem eu tava falando, pela foto da pra saber, não dá?!

quinta-feira, 14 de julho de 2011


" Eu não tenho idéia porque a gente fica adiando as coisas, mas se eu tivesse que chutar, diria que tem muito a ver com o medo. Medo do fracasso. Medo da dor. Medo da rejeição. Seja lá do que a gente tenha medo, uma coisa é sempre verdade: com o tempo, a dor de não ter tomado uma atitude fica pior do que o medo de agir."

Fala da Meredith daquele seriado Grey’s Anatomy

terça-feira, 12 de julho de 2011

Dá pra não gostar desta música?!



Imagens de memórias perfeitas
Espalhadas por todo o chão
Procuro o telefone porque
Eu não consigo lutar mais
E eu me pergunto se eu passo pela sua mente
Comigo isso acontece o tempo todo
São uma e quinze,
Estou completamente só e preciso de você agora.
Disse que eu não ligaria
Mas eu perdi todo o controle e preciso de você agora.
E não sei como sobreviver,
Só preciso de você agora.
Outra dose de uísque,
Não consigo parar de olhar para a porta.
Desejando que você entrasse arrebentando
Do mesmo jeito que você fez antes.
E eu me pergunto se eu passo pela sua mente.
Comigo isso acontece o tempo todo.
Sim, eu prefiro me machucar do que não sentir nada.



Adele...

"Somos livres, esse é o inferno."


Clarice Lispector

"Quando estou com você
Sinto meu mundo acabar
Perco meu chão sobre os meus pés
Me falta o ar pra respirar
E só de pensar em te perder por um segundo
Eu sei que isso é o fim do mundo"

CPM22

domingo, 10 de julho de 2011



"Eu começo a descobrir
Que em meu coração
Ta nascendo um jardim
Pensando em plantar
Você dentro de mim
Pois preciso lhe ver
Várias vezes florescendo
Nas luas crescentes
Sentir seu perfume
Prá encontrar você"
Eduardo Dusek

"Meu amor se você for embora, sabe lá o que será de mim?!"


Hoje fui ao Show da Marina Lima...
Achei pertinente...

sábado, 9 de julho de 2011


"Olha, estou escrevendo só pra dizer que se você tivesse telefonado hoje eu ia dizer tanta, mas tanta coisa. Talvez mesmo conseguisse dizer tudo aquilo que escondo desde o começo, um pouco por timidez, por vergonha, por falta de oportunidade, mas principalmente porque todos me dizem que sou demais precipitado, que coloco em palavras todo o meu processo mental (processo mental: é exatamente assim que eles dizem, e eu acho engraçado) e que isso assusta as pessoas, e que é preciso disfarçar, jogar, esconder, mentir.
Eu não achei que ia conseguir dizer, quero dizer, dizer tudo aquilo que escondo desde a primeira vez que vi você, não me lembro quando, não me lembro onde. Hoje havia calma, entende? Eu acho que as coisas que ficam fora da gente, essas coisas como o tempo e o lugar, essas coisas influem muito no que a gente vai dizer, entende? Pois por fora, hoje, havia chuva e um pouco de frio: essa chuva e esse frio parecem que empurram a gente mais pra dentro da gente mesmo, então as pessoas ficam mais lentas, mais verdadeiras, mais bonitas. Hoje eu estava assim: mais lento, mais verdadeiro, mais bonito até.
Hoje eu diria qualquer coisa se você telefonasse."


Caio Fernando de Abreu

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Insônia...


Chamei em pensamento
E você não apareceu
Meu coração ficou gelado
E não consegui ver onde estava
Deitei na cama,
Olhos abertos
Frio na barriga, dessa vez ruim
Acho que um pressentimento
Ciúme, talvez cansaço
Algo impede que eu o fareje
Sinta seu cheiro...
Minhas mãos estão geladas
Fecho os olhos
Já consigo vê-lo
De mãos atadas
Diante da guerra declarada
Ela agarra com unhas e dentes
O que até então lhe pertence
É um pesadelo...
Estou acordada
Acorda também!
Está frio, estou sozinha no castelo...

"Ela quer o imprevisto, a surpresa, o coração disparado, o medo de ser bom. Ela tem muito e quer mais. Quer se cobrir de eternidade, quer o oxigênio do risco pra ficar sempre menina. Ela quer música, tremer as pernas, beijo no ponto de ônibus e a milésima primeira vez. Ela quer a alegria besta de quem não tem juízo. O que ela quer é tão simples."

Sigo um blog chamado Vermelha e Ardida, e encontrei este texto hoje, escrito por Cris Guerra, que de tão perfeito, eu queria ter escrito.
www.vermelhaeardida.blogspot.com

"Venha me beijar, Meu Doce Vampiro..."



Rita Lee

domingo, 3 de julho de 2011

Descobertas...


Eu ando com ciúme de você...
Do tempo que não está comigo
Da falta que você me faz...
De cada sorriso seu
Dos carinhos que não são só meus.

E eu queria ter controle sobre isso
Mas não consigo...
Eu sinto saudade a cada dia que passa
E o som da sua voz
É pouco, mas me acalma.

E assim meio distraída
Meio carente
Meio completa...
Querendo cada vez mais
Mais feliz

E o tempo que passa tão rápido
Quando estamos longe
Passa devagar...
E o tempo que passa tão rápido
Podia parar

Pra esse agora
Eterno enquanto dure
Durar um pouco mais
Pelo menos hoje,
Eu queria mais...

sábado, 2 de julho de 2011

A onça


E se pudesse ela o arranharia...
Sem feri-lo,
Apenas para ter como seu um pedaço.
Mas ela o olhou nos olhos duas vezes,
Guardou as garras
Sorriu e o abraçou...